01 junho 2012

Viagem: Fortim - Ceará

Final de semana passado viajei para uma das lindas praias que temos por aqui e que eu ainda não havia conhecido. A paisagem é deslumbrante, as cores são lindas no por do sol e o mar é uma imensidão de azul e verde.
Foi um tanto difícil escolher o destino, pesquisei alguns como Lagoinha, Águas Belas e Fortim, até que decidi pelo último, achei uma pousada super fofa e a Eva, dona da pousada, sempre me respondia prontamente os e-mails, com informações úteis de passeios e do que fazer quando estivesse por lá. 
Praia de Pontal do Maceió - Foto: Felipe Camilo - Estudio Pã

A verdade é que eu ia mais para relaxar e aproveitar o local, a intenção foi passar apenas um final de semana, ir no sábado e voltar no domingo. Hospedagem acertada e passagens compradas, embarcamos rumo à Fortim.

Cerca de 2h30 depois chegamos à rodoviária de Fortim e a pousada que nos hospedamos fica a uns 400 metros distante, pudemos ir a pé tranquilamente. Chegamos na pousada e um rapaz, o João, nos recebeu super bem e nos deu a ótima notícia de que recebemos um upgrade na hospedagem. Explico: havíamos solicitado apartamento apenas com ventilador e ficamos num que havia tanto ventilador como ar condicionado. Muito bom!

Deixamos as trouxas no apartamento e nos arrumamos para ir à Pontal do Maceió, uma das praias de Fortim. Pegamos informações com João e nos arredores, nos informaram que por ali perto passava uma topic que vai até Pontal do Maceió, por apenas R$ 1,00/pessoa. 

Pegamos a topic, acabamos passando do ponto, como é de praxe de marinheiros de primeira viagem, mas descemos perto e fomos andando mesmo. Valeu à pena a caminhada, ao chegar lá nos esperava um lindo mar e uma linda luz do sol.
                            
Até esse horário, por volta das 15h, ainda não havíamos almoçado, nos aconchegamos em uma das barracas de praia, a Maresia - digo nos aconchegamos pois havia uma rede para deitar e ficar de boa - e pedimos o que eles teriam de melhor: frutos do mar.

Sem querer pedimos muita comida, pois ao perguntar a quantidade do prato o garçom respondeu 25, esperávamos que ele respondesse a quantidade em gramas, mas não, e diante do número 25 ficamos desconfiados de que seria pouco e pedimos duas porções. E olha só o que vem!
Almoço do primeiro dia - Foto: Felipe Camilo - Estudio Pã 

Após o intervalo de muitos camarões, fomos finalmente tomar aquele banho de mar naquele mar tranquilo e relaxante, nada de ondas grandes e violentas. Depois tiramos muitas e muitas fotos, do por do sol e do que tinha para ser visto! A verdade é que eu não tirei tantas fotos assim, servi mais de modelo do que de fotógrafa.

Voltamos para a pousada e combinamos para às 10h do dia seguinte um passeio de buggy com o próprio João, nada mais conveniente não é mesmo?

Ao acordarmos no domingo tomamos o café da manhã simples mas gostoso e fomos para o buggy nos acomodar à espera de um passeio inesquecível. Fomos em direção ao Pontal do Maceió e visitamos pedras e mais pedras, formações impressionantes de relevos, visualizamos de novo aquele mar azul-verde lindo, passamos por vegetações de cactus, vimos cavalinhos, passamos pelo farol...
Praia das Pedrinhas ou das Agulhas - Foto: Felipe Camilo - Estudio Pã

Até que finalmente chegamos ao encontro do rio com o mar e por lá ficamos para tomar aquele banho gostoso e tirar várias fotos lindas.
Nesse local eles oferecem passeio de barco tanto particular como aqueles que cabem muitas pessoas. Decidimos por não ir e também porque o barco já estava com a capacidade máxima.
Encontro do rio com mar - Foto: Felipe Camilo - Estudio Pã
                                                             
Após o banho de rio-mar João nos deixou em Pontal para almoçarmos, dessa vez ficamos na Barraca do Peninha e pedimos moqueca de arraia. Os preços são ótimos, a moqueca saiu por R$ 13,00 para duas pessoas, acompanha baião de dois e farofa.

Depois de almoçar e depois de tanto sol eu só consegui ficar deitada na rede apreciando a vista do mar, porém um inconveniente acontecia, infelizmente: carros de som altíssimo tocando músicas, se é que se pode chamar aquilo de música. Você tinha que abstrair para aquilo não te perturbar.

A viagem toda custou por volta de R$ 280,00 para duas pessoas, incluindo hospedagem, almoços e lanches, o passeio de buggy e as passagens de ida e volta para duas pessoas.

Os prós
- Os preços das comidas são super em conta.
- O lugar é indiscutivelmente lindo.
- A pousada é agradável e o atendimento foi ótimo.

Os contras
- Os ônibus de ida e volta são cheios, pois além dos assentos eles vendem passagens para as pessoas irem em pé, então tanto o ônibus fica lotado como o tempo de viagem aumenta devido às paradas excessivas.
- Só é possível comprar a passagem de volta na hora de voltar, pois o ônibus vem de Canoa Quebrada, ou seja, há uma probabilidade grande de voltar em pé. Não voltamos em pé, mas tivemos que sentar em assentos separados, pois valia a lei do mais esperto com os lugares que vagam ao longo da viagem.
- As pessoas insistem em colocar carros de som com volume altíssimo.


Informações
O município de Fortim se localiza à beira do rio Jaguaribe a 118km de Fortaleza com acesso pela CE-040.
Hospedagem: Pousava da Eva.

Um comentário:

Joao Roberto disse...

Adorei o comentário da pousada... ass:'João"
Estou com uma nova pousada, um novo paraiso, quando tiver oportunidade venha nos visitar novamente. Abraços do 'Joao"
pousada nova link:https://www.facebook.com/PousadaDaEvaRio